segunda-feira , 11 dezembro 2017

banner1
Início » NOTÍCIAS » Sindap cobra reunião para definir situações de ACT das empresas

Sindap cobra reunião para definir situações de ACT das empresas

reuniao sindap

Lá se vão dois anos e nada de ACT fechado pelas empresas que prestam serviço no sistema penitenciário do estado. O resultado é que os trabalhadores amargam perdas salarial e não conseguem resolver questões de benefícios que devem ser honrados pelo patronato.

O Sindap vem cobrando que essa situação seja resolvida. O Sindicato inclusive já solicitou intervenção do MPT para garantir que o fim do impasse, mas o descaso continua.

 

Após reunir os trabalhadores, a direção do Sindap deu um ultimato ao Estado e as empresas para que negociem os Acordos e reponham as perdas salariais do trabalhadores. Na última semana, o sindicato encaminhou um ofício reportando este descaso e solicitando que as negociações sejam iniciadas imediatamente. Caso os dirigente patronais optem novamente pela omissão, a categoria está disposta a realizar uma grande Greve Geral no sistema prisional de todo estado.

 

“Estamos tentando o diálogo desde o ano passado. Infelizmente, os representantes das empresas e  do Estado não deram a atenção que a categoria merece. Vamos dar novamente essa chance de dialogar e resolver o impasse em mesa, mas se não houver disposição do outro lado, iremos dar a resposta com greve, já que a mobilização é a forma que os trabalhadores têm de mostrar sua indignação e forçar o diálogo”, destaca Antônio Reis, diretor do Sindap.

 

O Sindicato aguarda uma resposta ao ofício enviado e que a situação seja resolvida de forma dialogada. “Estamos no aguardo, mas queremos respeito com as nossas demandas”, frisou Reis.

CONFIRA DOCUMENTO

Sindap cobra reunião para definir situações de ACT das empresas Reviewed by on . Lá se vão dois anos e nada de ACT fechado pelas empresas que prestam serviço no sistema penitenciário do estado. O resultado é que os trabalhadores amargam perd Lá se vão dois anos e nada de ACT fechado pelas empresas que prestam serviço no sistema penitenciário do estado. O resultado é que os trabalhadores amargam perd Rating: 0
banner3
scroll to top